Rua Camuirano, 60 - Botafogo, Rio de Janeiro - RJ, 22270-020 / Tel: (21) 2266-6191 | (21) 988446191
Nu Espaço

Dir. Daniel Nigri

Bacharel em Ciências Econômicas pela UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro. Formado em Teatro pelo Lee Strasberg Theatre Institute de NY, é diretor e sócio-fundador do Nu Espaço. 

Prof. Alfredo Boneff

Alfredo Boneff é formado em Interpretação Teatral pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Uni-Rio) e Mestre em Preparação e Treinamento de atores pela Royal Central School of Speech and Drama (Universidade de Londres). Atuante desde 1994 no panorama teatral do Rio de Janeiro, vem trabalhando com nomes importantes como Henrique Tavares, Clarice Niskier, Vitor Lemos, Nelson Rodrigues Filho e Marcio Viana. Paralelamente desenvolve trajetória como professor e, atualmente, leciona as disciplinas de Interpretação e Prática de Gravação na escola profissionalizante Nu Espaço. Entre seus trabalhos recentes em teatro estão a direção do espetáculo “Sit Down Comedy” (2010) e a assistência de direção dos espetáculos “À Sombra das Chuteiras Imortais” (2014), “Ideia Fixa” (2015) e “Realismo” (2017). Na área audiovisual é sócio e diretor da produtora Ideias Visuais, que concluiu em 2017 o documentário “Valeu?”, sobre o Porto Maravilha, para a UFRJ.

 

Prof. Yashar Zambuzzi

Yashar Zambuzzi é ator formado pela EAD (Escola de Arte Dramática)-USP e Filosofia, pela mesma universidade. Trabalhou com Antunes Filho, um dos mais renomados diretores, conhecido internacionalmente, no CPT (Centro de Pesquisa Teatral), onde, além de ator, exercia a função de professor de Filosofia e Cinema. Fez residência, durante seis meses com o diretor francês, François Khan, profissional que integrou por doze anos, o Workcenter of Jerzy Grotowski and Thomas Richards, em Pontedera, Itália, e também Oficina de Interpretação com Robert Castle, Método Memória Sensorial, desenvolvido no Lee Strasberg Institute de Nova York. Fundou, com a atriz Viviani Rayes, a Te-Un TEATRO, ambos produtores e intérpretes da aclamada montagem carioca, Blackbird, de David Harrower. Em seus 33 anos de carreira no teatro, atuou em mais de 30 produções, entre elas,Para Onde Ir, de Dostoiévski, Rimbaud e Brecth, A Tempestade, Júlio César e Tímon de Atenas, de W. Shakespeare, Race, de David Mamet, Silêncio!, de Renata Mizrahi, A Visita da Velha Senhora, de F. Dürrenmatt, Um Violinista no Telhado, de Jerry Bock, Sheldon Harnick e de Joseph Stein, O Interrogatório, de Peter Weiss, A Paixão Segundo Sóror Mariana Alcoforado, de Mariana Alcoforado, Senhora dos Afogados e Dorotéia, A Vida Como Ela É…, de Nelson Rodrigues, O Processo, de F. Kafka, À Margem da Vida, de Tennessee Williams, Zoo Story, de Albbe, O Diário de um Louco, de N. Gógol, entre tantos outros. Em cinema, atuou nas séries franco-canadenses, Nazi Hunters- Episódio Eichamnn- Doc Drama para National Geografic and History Channell, Brazil Red, nos longas, Cross & Star, Veias e Vinhos, entre outros. Há mais de vinte anos, desenvolve pesquisas em Antropologia Filosófica e Teatral e Filosofia & Cinema, no I.A.H (Instituto de Pesquisa em Humanidades) da Te-Un TEATRO.

Prof. Maria Clara Herz

Formada pela CAL (Casa das Artes de Laranjeiras), em dança pela Escola Angel Viana e em artes cênicas pela UniverCidade. Foi fundadora e integrante do Grupo Alice 118, dirigido por Ana Kfouri, ao longo de dez anos. É diretora cênica dos grupos Ordinarius e Mulheres de Holanda. Atualmente faz a curadoria da parte de Contação de Histórias da Empresa Plumagenz – Criação Cultural e Design, atuando no projeto InterTranças e na preparação da FLUPP (Festa Literária da Unidades Pacificadas).

Prof. Luciana Ferreira

Luciana Ferreira é atriz formada pela CAL, bacharel em Artes Cênicas pela UniverCidade e com pós-graduação no Programa especial de formação pedagógica de Docentes em educação artística pela Universidade Cândido Mendes. Integrou o Grupo Alice 118, dirigido por Ana Kfouri por nove anos, desde sua criação em 1998.Formada pelo CPT, de Antunes Filho (SP) e pela CAL (RJ) é integrante da cia das inutilezas desde 2010, com direção Emanuel Aragão. Recentemente atuou em NADA com direção de Fernando e Adriano Guimarães e Miwa Yanagizawa, texto de Emanuel Aragão. Fundou em 2012 o Áreas Coletivo de arte, com Maria Silvia Siqueira Campo e Miwa Yanagizawa.

Prof. Edmundo Dan

Ator e diretor, com especializações em Comunicação e Imagem e Cinema Documentário. Bio: Dirigiu diversos curtas e vídeos institucionais. Foi Chefe do Departamento de Vídeo do Cederj e tem larga experiência com treinamento em performance para a câmera, ministrando, há 15 anos, cursos, oficinas e workshops na área. É professor de Prática de Gravação do Nu Espaço desde 2012.

Prof. Malu Cavalcanti

Graduada com bacharelado em artes cênicas pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO),2004 , graduada em licenciatura em Dança pela Faculdade Angel Vianna ,2010 e Mestre em Artes Cênicas pelo programa de Pós graduação da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio ) com a dissertação “ Habitar-se no silêncio: uma experiência da Atenção Plena na pedagogia do ator com orientação de Tatiana Motta Lima e co-orientação de Daniel Reis Plá, 2018. Atua como professora de interpretação no Nu Espaço desde 2010. Possui vasta experiência como atriz e bailarina .

Prof. Sandra Prazeres

Sandra prazeres é diretora, atriz, preparadora de atores e Coreografa. Formada em Teatro na UniverCidade e em licenciatura plena em Dança Contemporânea na Faculdade Angel Vianna. Trabalha como preparadora de atores junto ao cineasta André da Costa Pinto. Juntos filmaram o longa Um tempo Feliz que Passou, lançado em 2017 e agraciado com dois prêmios de melhores atores – Guta Streser e Chico Oliveira. Em julho de 2017 filmaram o longa A Ratoeira, com previsão de lançamento para 2018. Leciona no curso profissionalizante de atores na Escola de Arte Dramática Nu Espaço-Rj desde 2006. Em 2018 completa 30 anos de trabalhos dedicados as artes cênicas e audiovisuais.

Prof. Alexander Carvalho

doutor em Filosofia pela UERJ com a tese Da presença constante à liberação da questão do ser, sobre o pensamento de Martin Heidegger, publicada pela Novas Edições Acadêmicas. Atua como professor de filosofia, professor de idiomas, palestrante e tradutor, tendo traduzido Daseinsanálise: fenomenologia e psiquiatria, de François Dastur e Philippe Cabestan. Atualmente pesquisa a relação possível entre filosofia, literatura e psicologia clínica.

Prof. Viviani Rayes

Pós-graduada em Direção Teatral pela CAL (Casa de Artes Laranjeiras/ RJ). Cursou Direção Teatral com José Renato, fundador do Teatro de Arena de São Paulo. Formada pela Escola de Teatro Ewerton de Castro e Escola de Atores Wolf Maya, ambas em São Paulo. Tem um trabalho sólido e ativo como atriz, diretora e produtora, atuante no mercado teatral e publicitário estampando diversas campanhas. Cursou Comunicação Social na Faculdade Cásper Líbero em São Paulo, com ênfase em Rádio e TV. É sócia e diretora de produção da produtora Rayes Produções Artísticas, responsável por importantes trabalhos como a aclamada montagem Blackbird, de David Harrower, o monólogo PARA ONDE IR, que lhe renderam excelentes críticas como diretora revelação 2017, e foi a produtora responsável pela curadoria da Ocupação Glauce de Portas Abertas. Professora de Técnica de Gravação da Escola Profissionalizante Nu Espaço.

Prof. Rômulo Nicolai

Bacharel em Canto Lírico pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ.
Iniciou seus estudos musicais com oito anos de idade ao ingressar no coral dos Canarinhos de Petrópolis, onde obteve toda sua formação musical. Como cantor, atuou em diversos concertos no Brasil e no exterior, onde se apresentou nos Estados Unidos, Portugal, Alemanha, Áustria e Itália.
Atuou Como solista, dos seguintes concertos e Óperas: Cantata de Natal, de Ricardo Tacuchiam, a Ópera Don Giovanni, de W. A. Mozart, no papel de Mazetto, O Pagador de Promessas, de Eduardo Escalante, o personagem principal na Ópera Wozzeck de Alban Berg, o personagem Gasparo, na Ópera Rita, de G. Donizetti, o papel de Morales, na Ópera Carmen, de Bizet, e por fim, (Martel) na Ópera Un Mari a La Porte, de Offenbach.
Realizou diversos concertos com o grupo de música antiga Anima e Cuoure, dentre eles, a importante Cantata 56, de J.S.Bach, para Solo de Barítono e Orquestra de Câmara.
Fundador e maestro do coral “Vozes do Itaúna”, atua ainda como “preparador vocal”, junto a cantores e atores profissionais, bem como, em diversas escolas de música e grupos teatrais do estado do Rio de Janeiro.
Como principais projetos / trabalhos realizados, destacam-se:
Professor/ Preparador vocal “ Nu Espaço” escola profissionalizante de Atores do RJ.
Professor musicalização infantil colégio Notre Dame RJ .
Atuação como responsável técnico em projeto do SESC Rio, série “Concertos Dialogados”;
Docente na oficina de canto em projeto social patrocinado pela prefeitura do estado do Rio de Janeiro na Casa de Capacitação e Cultura Leonardo Guerra;
Dinamizador de oficinas de canto coral em projeto da Instituição “Caruanas do Marajó”, situado na Ilha de Marajó, com foco no resgate dos ritmos regionais do Pará;
Participação no projeto “Cleofe Person de Matos” patrocinado pela Petrobras.

Prof. Georgia Tonus

Bailarina, coreógrafa e preparadora corporal formada em Licenciatura pela Faculdade de dança Angel Vianna (FAV, RJ), cursando a pós-graduação em “Preparação corporal nas artes cênicas” na mesma instituição. Faz parte da Companhia de artes cênicas Motirô com a qual estreou o espetáculo “Catarse” em julho de 2018 em Portugal.  E integrante do grupo Motim, grupo de pesquisa de linguagem que alia o corpo e a palavra. Entre 2015 e 2016, dança com o coletivo FluxFabrik, apresenta o espetáculo “Icò” no Rio e em Salvador. Integrou entre 2012 e 2015, a cia de dança afro-contemporânea Corpus Entre Mundos com a qual apresenta no Festival Tangolomango, no Festival Back2Black, na promoção do filme “I love kuduro”, estreia do Festival de cinema do Rio de Janeiro em 2013. Sua pesquisa corporal se desenvolve com a junção da sua formação em música, e do seu caminho através da dança contemporânea, as danças de raiz e a performance. Acrescenta seu trabalho colaborando com coreógrafos e diretores renomados como o Mario Nascimento, Lavínia Bizzotto, Ana Teixeira, Paulo Mantuano, Steven Harper, Beth Martins, Renata Versiani, entre outros.

Prof. Roberta Bahia

Fonoaudióloga. Especialista em Voz pelo Conselho Federal de Fonoaudiologia e pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Atriz Formada em Teatro pelo Curso Técnico Profissionalizante de Ator do Teatro Universitário (T.U.-UFMG). Assistente da Fonoaudióloga Jane Celeste Guberfain desde 2012 no Estúdio da Voz. Preparadora vocal de espetáculos teatrais. Ministra aulas em cursos e oficinas de formação de atores desde 2010. Seu trabalho está voltado para o desenvolvimento e aperfeiçoamento da voz profissional e suavização de sotaque. Atua em todo cenário nacional.

Prof. Alina Mendonça

Mestre em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro com a tese “Cuidar de si, cuidar dos outros: a alteridade no ensinamento de Michel Foucault”. Licenciatura plena pela Faculdade de Educação da UFRJ e bacharelado em Filosofia pelo IFCS-UFRJ.

Prof. Felipe Salarolli

Licenciando em Teatro pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro – UNIRIO, onde paralelamente desenvolve trabalho de pesquisador no campo da pedagogia do teatro com o projeto “DIFERENTES OLHARES SOBRE A CONSTRUÇÃO E APLICABILIDADE DAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS DE ENSINO DO TEATRO”. Possui formação em Artes Cênicas pelo Globe-SP. Como ator, conta com trabalhos no Teatro, na TV e no cinema. Ademais desenvolve trajetória como professor e, atualmente, leciona a disciplina de Interpretação na escola profissionalizante Nu Espaço.

Prof. Isabel Schumann

É fonoaudióloga, formada pelo IBMR e Especialista em Voz, através da instituição Clinvoz (Doutor Domingos Sávio Ferreira de Oliveira). Realizou cursos com a Fonoaudióloga Glorinha Beuttenmüller, criadora do Método Espaço-Direcional Beuttenmüller. Participou de workshops ministrados por Cicely Berry, Voice Director do Royal Shakespeare Company (2011 e 2013). Faz parte da equipe docente do grupo “Nós do Morro” desde 2008 em parceria com a Fonoaudióloga Leila Mendes. Trabalhou em produções teatrais como “Bandeira de Retalhos” (2014), “Domando a Megera” (2015), “Abalou, Um Musical Funk” (2017), “Encontros – 32 Anos” (2018). Ministrou aulas de Voz na escola de interpretação profissionalizante Nu Espaço no período de 2005 a 2014. Atuou como coaching de ator em produções da teledramaturgia, tais como “Vidas Opostas” (Record – 2007) e “Flor do Caribe” (Rede Globo – 2013). Ministra aulas de voz no Workshop de Atuação para Video com o diretor, roteirista e produtor audiovisual André da Costa Pinto e atuou como Preparadora Vocal do elenco em dois longa-metragens de ficção: “Antes do Parto” (2016) e “Ratoeira” (2018).